Davidoff em Genebra e um pouco de Zino Davidoff

Davidoff-2

Além da Gérard Père et Fils, a loja da Davidoff também estava na minha lista de locais para conhecer em Genebra.

O pai de Zino era um fabricante de cigarros em Kiev (na época, Império Russo, hoje Ucrânia) quando ele nasceu em 1906. Para fugir dos tumultos, Henri Davidoff se mudou com a esposa e os quatro filhos para Genebra, Suíça em 1911 e no ano seguinte, inaugurou sua primeira tabacaria. Zino queria trabalhar com o pai e por isso, passou 5 anos na América (Argentina, Brasil e Cuba) trabalhando em plantações e visitando fabricas para aprender sobre cultivo e produção do charuto.

Ao retornar para Suíça, inicia seu trabalho na loja do pai, estabelecendo uma área especifica para charutos, apresentando um novo conceito para Europa, uma cave que mantinha as condições ideais para armazenar o charuto, com controle de temperatura e umidade.

Graças à neutralidade da Suíça durante a Segunda Guerra Mundial, Genebra foi poupado da destruição que atingiram as principais cidades da Europa e se tornou um refugio para muitos ricos e apreciadores de charuto, que nesse momento, alavancaram as vendas da modesta tabacaria Davidoff, transformando em um negocio muito rentável.

À convite da Cubatabaco (responsável pela produção de charuto Cubano) em 1967, Zino criou sua própria linha de charutos, que era constituída pelos charutos n º 1, n º 2, e Ambassadrice, Dom Pérignon, Série Châteaux, Série Mille, entre outros. Os charutos de anilha branca e escrito dourado eram produzidos na recém-inaugurada fábrica El Laguito, que na época produzia charuto Cohiba exclusivamente para Fidel fumar.

Porem, devido à insatisfação da qualidade com que seus charutos estavam sendo produzido, a parceria entre Davidoff e Cubatabaco chega ao fim em 1991 e os charutos começam a ser feitos na Republica Dominicana.

Davidoff-4

Em 1970, Zino vendeu sua tabacaria para a empresa Max Oettinger Company, um dos primeiros e principais importadores de charuto cubano para Europa e continuou como embaixador até sua morte, em 1994, com 87 anos.

Atualmente, a produção de charutos Davidoff é composta pelas linhas Aniversario, Classic, Grand Cru, Mille, Special, Special Figurados, Millennium Blend e Puro d’Oro, as edições limitadas e cigarrilhas. Além de uma linha completa de acessórios de charuto e cachimbo de luxo como isqueiros, umidores, cortadores, cinzeiros, porta-charutos…

Voltando a loja da Davidoff, a primeira localizava-se no Boulevard des Philosophes, no centro de Genebra e deixou seu tradicional endereço em 2002, dando espaço para a boutique localizada na Rue de Rive. Com um projeto imponente, o luxuoso espaço de 120m2 reflete toda grandiosidade da marca.

O belíssimo “walk-in humidor” que ocupa 1/3 da tabacaria, tem folhas secas penduradas no teto e todas as opções de charuto Davidoff. Também é possível encontrar Zino, Zino Platinum, AVO, Camacho, que também fazem parte do grupo e as principais marcas de cubano.

Davidoff-3

Na mesa central do umidor é possível encontrar toda a linha Puro D´Oro, lançada em 2010, produzida 100% com tabaco dominicano (daí o nome Puro), capa da exclusiva folha Yamassa desenvolvida especialmente para essa série, acabamento pigtail e a anilha dourada em relevo são caracteristas que diferenciam essa linha das outras. Os formatos são: Deliciosos (Corona), Magnificos (Robusto), Notables (Corona Gorda), Sublimes (Petit Panatella), Eminentes (Toro) e Momentos (Petit Corona). Para quem ficar na dúvida de qual formato escolher, fique com a Puro d’Oro Collection, uma caixa com uma unidade cada: Deliciosos, Magnificos, Notables e Sublimes.

Outra edição que merece atenção é a Davidoff Limited Edition 100 Years Geneva, lançada em 2011 em comemoração aos 100 anos que a 1ª loja da marca foi inaugurada em Genebra. O blend foi desenvolvido com cinco tipos de tabaco, que foram envelhecidas entre 5 e 9 anos, proveniente de cruzamento de sementes cultivadas República Dominicana e no Equador. O resultado é um charuto intenso e complexo, apresentado nos formatos Toro e Robusto.

Mais importante do todas as edições limitadas, é visita a uma das lojas mais respeitáveis de charuto do mundo. A Davidoff possui mais de 60 lojas no Mundo, mas nenhuma tem o mesmo charme que a de Genebra. Assim como, existem muitos especialistas em charuto, mas poucos tinham a paixão, entusiasmo e conhecimento como tinha Zino Davidoff.

Obs.: A versão antiga do LBV está fora do ar, então selecionei alguns posts que acho interessantes e atemporais (esse é um deles).

 

Share

Comentários

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *